quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Panarion - 29 Contra os Nazarenos - Epifanio de Salamina

Segue abaixo o texto na integra do Panarion - 29 Contra os Nazarenos

Este documento trata-se de um documento histórico, que relata o que aconteceu aos primeiros cristãos que eram igualmente chamados Nazarenos. Vemos isso também no livro de Atos 11:26 que diz:

Em Antioquia, os discípulos foram pela primeira vez chamados cristãos.
Atos 11:26

Pelas nações os convertidos a Cristo foram chamados de várias formas. A palavra Cristo vem do grego, significa ungido. A palavra Messias vem do hebraico, significa ungido. Por este motivo eles foram chamados de cristãos e de messiânicos. Porém no cristianismo recém nascido eram chamados de Nazarenos, pois judeus cristãos como Paulo eram da seita dos Nazarenos, conforme afirma Atos 24:5.

Segue o texto do Panarion:


29 CONTRA OS NAZARENOS
NONA, VIGÉSIMA NONA DA SÉRIE

1,1 Em Seguida depois destes vêm os Nazarenos, ao mesmo tempo em que, ou mesmo antes deles, ou em conjunto com eles ou depois deles, em qualquer caso, seus contemporâneos. Eu não posso dizer mais precisamente quem sucedeu a quem. Pois, como eu disse, estes eram contemporâneos, um do outro, e tinha ideias semelhantes entre si.

1,2 Pois essas pessoas não se dão o nome de Cristo ou o próprio nome de Jesus, mas o de "Nazarenos." (3) Mas naquela época todos os cristãos foram igualmente chamados Nazarenos. Eles também passaram a ser chamados de "Jesseanos" por um curto período de tempo, antes dos discípulos passarem a ser chamados de cristãos em Antioquia. (4) Mas eles foram chamados por causa de Jessé (Jesseanos), suponho, já que David era descendente de Jessé e Maria era uma descendente direta de Davi. Isso foi em cumprimento da Sagrada Escritura, uma vez que no Antigo Testamento, o Senhor diz a Davi: "É o fruto do teu ventre que eu colocarei sobre o teu trono."

2,1 Tenho medo de cada expressão, embora a verdade me move para tocar as considerações para a contemplação de cada expressão, eu dou essa nota breve, para não ir à grande explanação. (2) Uma vez que o Senhor disse a Davi: "É o fruto do teu ventre que eu colocarei sobre o trono", e "O Senhor jurou a Davi e não se arrependerá", é claro que a promessa de Deus é irrevogável. (3 ) Em primeiro lugar, o que Deus faz jurar mas "por mim mesmo jurei, diz o Senhor?", pois "Deus não tem juramento por alguém maior." O divino não jura, no entanto, mas a afirmação tem a função de fornecer confirmação.

Porque o Senhor jurou a Davi com juramento que ele iria colocar o fruto de seu ventre em seu trono. (4) E os apóstolos dão testemunho de que Cristo tinha que nascer da semente de Davi, como nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, de fato era. Vou passar por cima de um grande número de testemunhos, a fim de, como eu disse, não arrastar a discussão para uma grande explanação.

2,5 Mas, provavelmente, alguém pode dizer: "Visto que Cristo nasceu fisicamente da descendência de Davi, isto é, da Santa Virgem Maria, por que ele não sentou no trono de Davi? Pois diz o Evangelho: "Eles vieram para ungi-lo rei, e Jesus, percebendo isso, partiu. E escondeu-se em Efraim, uma cidade do deserto.'" (6) Mas agora que eu comecei com essa passagem e eu pergunto sobre esse texto e o motivo pelo qual a profecia sobre sentar no trono de Davi não foi cumprida fisicamente no caso do Salvador, pois alguém tem pensado que não aconteceu - eu continuo a dizer que é um fato. Nenhuma palavra da Sagrada Escritura de Deus falha.

3,1 Pois o trono de Davi e a realeza é o sacerdócio na santa igreja. O Senhor tem combinado esta realeza sacerdotal e patente e conferiu a sua santa igreja, transferindo o trono de Davi para ele, sem falha. (2) No tempo passado, o trono de Davi continuou por sucessão até que o próprio Cristo, uma vez que os governantes de Judá não falharam até a sua vinda "para quem são as coisas preparadas, e ele é a expectativa das nações", diz a Escritura.

3,3 Pois os governantes na sucessão de Judá chegou ao fim com a chegada de Cristo. Até sua vinda os governantes, mas depois de seu nascimento em Belém da Judéia a ordem terminou e foi alterado no tempo de Alexandre, um governante de casta sacerdotal e real. (4) Esta posição acabou com este Alexandre desde o tempo de Salina também conhecida como Alexandra, no tempo do rei Herodes e do imperador romano Augusto. (Embora este Alexandre foi coroado também, como um dos sacerdotes e príncipes ungidos. (5) Porque, quando as duas tribos, a realeza e o sacerdócio, foram unidos, quero dizer, da tribo de Judá, com Arão e toda a tribo de Levi - os reis tornaram-se também os sacerdotes, pois nada insinuado na Sagrada Escritura pode estar errado.) (6 ) Mas então, finalmente, um gentio, o rei Herodes, foi coroado, e não mais descendente de Davi.

3,7 Mas, com a transferência do trono real à casta real passou, em Cristo, desde a casa física de Davi e Israel para a igreja. O trono é estabelecido na santa igreja de Deus para sempre, e tem tanto a realeza e o sacerdócio por duas razões. (8) Tem a realeza de nosso Senhor Jesus Cristo, de duas formas: porque ele é fisicamente descendente do rei Davi, e porque ele é de fato um maior rei de toda a eternidade em virtude de sua divindade. Mas tem o sacerdócio, porque o próprio Cristo é sumo sacerdote e fundador do ofício dos sumos sacerdotes (9), uma vez que Tiago, que foi chamado o irmão do Senhor, e que era seu apóstolo, foi imediatamente feito o primeiro bispo. Ele era filho de José de nascimento, mas foi classificado como o irmão do Senhor por causa de sua educação em conjunto.

4,1 Pois este Tiago era filho de José pela esposa de José, não por Maria, como eu já disse em muitos outros lugares e tratados de forma mais clara para vós. (2) E, além disso, eu acho que ele era descendente de Davi, por ser filho de José, que nasceu um nazireu, pois ele foi o primogênito de José, e consagrado. E eu encontrei, ainda, que ele também exercia o sacerdócio no antigo sacerdócio. (3) Assim, ele foi autorizado a entrar no Santo dos Santos uma vez por ano, como escritura diz que a Lei dirigiu os sumos sacerdotes para fazer. Pois muitos antes de mim -Eusébio, Clemente e outros, têm relatado isto dele. (4) Ele foi autorizado a usar o colete sacerdotal, além disso, como os autores de confiança que eu mencionei têm testemunhado nesses mesmos escritos históricos.

4,5 Ora, nosso Senhor Jesus Cristo, como eu disse, é "sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque", e ao mesmo tempo rei hereditário, de modo que ele pode transferir o sacerdócio, juntamente com a entrega da Torah. (6) E desde que a semente de Davi, através de Maria, está sentado no trono, é para sempre e seu reino não terá fim. Ele agora deve transferir o fim da antiga realeza; ". Meu Reino não é deste mundo" pois de fato o seu reino não é terreno, como ele disse a Pôncio Pilatos no Evangelho, (7) Pois uma vez que Cristo leva o cumprimento de todas as coisas em enigmas, as preliminares chegaram a um limite.

Porque ele que é sempre rei não chegou a alcançar a soberania. Ele concedeu a coroa para aqueles a quem ele nomeou, para que não se pense que ele avançou a partir de um posto mais baixo para um mais alto. (8) Pois o seu trono resiste, seu reino não terá fim, e ele está sentado no trono de Davi e transferiu o reinado de Davi e concedeu-lhe, juntamente com o sumo sacerdócio, para os seus servos, os sumos sacerdotes da igreja católica.

4,9 E não há muito a dizer sobre isso. Mas em qualquer caso, desde que eu vim para o tópico da razão pela qual os que vieram à fé em Cristo foram chamados Jesseanos antes de serem chamados de cristãos, dissemos que Jessé era o pai de Davi. E eles tinham sido nomeados Jesseanos, seja por causa deste Jessé, ou a partir do nome de nosso Senhor Jesus, pois, sendo seus discípulos, eles obtiveram a partir de Jesus, ou por causa da etimologia do nome do Senhor. Pois Jesus em hebraico significa "curandeiro" ou "médico" e "salvador". (10) Em qualquer caso, eles tinham esse nome antes de serem chamados de cristãos. Mas em Antioquia, como já mencionei antes e como é a essência da verdade, os discípulos e toda a igreja de Deus, começaram a ser chamados de cristãos.

5,1 Se vós gostardes de estudar e ler a passagem sobre eles nos escritos históricos de Filo, em seu livro intitulado "Jesseanos", você pode achar que, ao dar seu relato sobre seu modo de vida e seus hinos e descrevendo seus mosteiros nas proximidades do pântano Marean, Filo descreve ninguém menos que cristãos. (2) Pois quando visitou o lugar é chamado Mareotis e foi entretido por eles em seus mosteiros na região de área onde ele foi edificado. (3) Ele chegou lá durante a Páscoa e observou seus costumes, e como alguns deles colocavam para fora [o fermento] ao longo da semana santa da Páscoa, embora outros comiam a cada dois dias e outros, de fato, todas as noites. Mas tudo isso foi escrito por Filo sobre o tema da fé cristã e seu regime.

5,4 Assim, quando eles foram chamados Jesseanos em seguida, logo depois da ascensão do Salvador e depois de Marcos haver pregado no Egito, naqueles tempos algumas outras pessoas, supostos seguidores dos apóstolos, separaram-se por sua vez. Refiro-me aos Nazarenos, que eu estou discutindo aqui. Eles eram judeus, se prenderam à Lei, e tinham a circuncisão. (5) Mas era como se as pessoas tinham visto o fogo sob um equívoco. Sem entender o porquê, ou o uso, as pessoas que tinham acendido esse fogo estavam fazendo isso, seja para cozinhar as suas rações com o fogo ou queimar algumas árvores mortas que geralmente são destruídos pelo fogo, eles acenderam o fogo também, à imitação, e se esquentaram.

5,6 Pois ouvindo apenas o nome de Jesus, e vendo os milagres realizados pelas mãos dos apóstolos, eles chegaram à fé em Jesus. E desde que descobriram que ele tinha sido concebido em Nazaré e cresceu na casa de José, e por esta razão é chamado de "Jesus, o Nazareno" no Evangelho, como os apóstolos dizem: "Jesus, o Nazareno, um homem aprovado por sinais e maravilhas", e assim por diante, eles adotaram este nome, de modo a ser chamados nazarenos.

5,7 Não "nazireus", que significa "pessoas consagradas". Antigamente esta patente pertencia aos primogênitos e homens que tinham sido dedicados a Deus. Sansão era um, e outros depois dele, e muitos antes dele. Além disso, João Batista também era um dessas mesmas pessoas que foram consagradas a Deus, pois "Ele não bebeu vinho nem bebida forte." (Este regime, o mais adequado para o seu posto, foi prescrito para essas pessoas.) (6, 1) Eles não chamam a si mesmos Nasareanos também, a seita dos Nasareanos era antes de Cristo e que não conhecem a Cristo.

6,2 Mas, além disso, como já referi, todos chamavam os cristãos nazarenos, como se diz na acusação do apóstolo Paulo: "Temos achado que este homem é uma peste e um corruptor do povo, um chefe da seita dos nazarenos." (3) E o apóstolo santo não assume o nome, para não professar a heresia dessas pessoas, mas ele estava feliz de possuir o nome da malícia de seus adversários tinha aplicado a ele por amor de Cristo. (4) Pois ele diz no tribunal: "Eles não me acharam no templo discutindo com alguém nem levantando as pessoas, nem que eu fiz nenhuma dessas coisas de que me acusam. Mas confesso-te, que após o caminho que eles chamam seita, assim sirvo, acreditando em todas as coisas da Lei e dos profetas.

6,5 E não admira o apóstolo admitir ser um nazareno! Naqueles dias todos os chamados cristãos tinham esse por causa da cidade de Nazaré, não havia nenhum outro uso do nome na época. E assim as pessoas deram o nome para os crentes em Cristo, de quem está escrito: "porque Ele será chamado Nazareno." (6) Ainda hoje, na verdade, as pessoas chamam todas as seitas, eu digo os maniqueístas, marcionitas, gnósticos e outros, com o nome comum de "cristãos", embora eles não sejam cristãos. No entanto, apesar de cada seita ter outro nome, ainda permitem este com prazer, já que o nome é um ornamento a ela. Porque eles pensam que podem ataviar-se ao nome de Cristo, certamente não sobre a fé e as obras de Cristo!

6,7 Assim os santos discípulos de Cristo também se chamavam "discípulos de Jesus", em seguida, como de fato eram. Mas quando outros chamaram a si mesmos de nazarenos eles não rejeitaram, estando cientes da intenção dos que estavam chamando-lhes assim. Eles estavam chamando a si mesmos de nazarenos por causa de Cristo, uma vez que o nosso Senhor Jesus foi chamado de "nazareno" O próprio, como os Evangelhos e os Atos dos Apóstolos diz (8) por causa de sua educação na cidade de Nazaré (agora uma aldeia) na casa de José, depois de ter nascido na carne em Belém, da sempre Virgem Maria, noiva de José. Pois José tinha se estabelecido em Nazaré depois de deixar Belém e fixando residência na Galileia.

7,1 Mas esses mesmos sectários quem estou discutindo aqui ignoram o nome de Jesus, e nem se chamavam Jesseanos, mantiveram o nome dos judeus, nem se chamam cristãos- mas "nazarenos", supostamente a partir do nome do lugar "Nazaré". Mas eles são judeus em todos os sentidos e nada mais.

7,2 Eles não somente usam o Novo Testamento, mas o Antigo Testamento, bem como os judeus fazem. Pois eles não repudiam a Lei, os profetas, e os livros que são chamados Escritos pelos judeus e por eles mesmos. Eles não têm pontos de vista diferentes, mas confessar tudo em pleno acordo com a doutrina da Lei e como os judeus, exceto que eles são supostamente crentes em Cristo. (3) Pois eles reconhecem tanto a ressurreição dos mortos e que todas as coisas foram criadas por Deus, e eles declaram que Deus é um só, e que seu Filho é Jesus Cristo.

7,4 Eles são perfeitamente versados na língua hebraica, pois toda a Lei, os profetas, e os chamados escritos, quero dizer, os livros poéticos, Reis, Crônicas, Ester e todo o resto, são lidos em hebraico entre eles, como é claro que eles estão de acordo com os judeus. (5) Eles são diferentes dos judeus, e diferentes dos cristãos, apenas no seguinte: Eles discordam com os judeus por causa de sua fé em Cristo, mas eles não estão de acordo com os cristãos porque eles ainda estão acorrentados pela Lei, circuncisão, o shabbat, e o resto. (6) Quanto a Cristo, eu não posso dizer se eles também estão enganados por causa da maldade de Cerinto e Merintus, e o consideram como um mero homem ou se, como a verdade é, que eles afirmam que ele nasceu de Maria pelo Espírito Santo.

7,7 Esta seita dos nazarenos pode ser encontrada em Bereia perto Coele-Síria, na Decápole perto de Pela, e em Basanitis no lugar chamado Cocabe - Kokhab em hebraico. (8) Pois que era o seu local de origem, uma vez que todos os discípulos tinham se estabelecido em Pela após a sua remoção de Jerusalém, Cristo tinha dito que abandonassem Jerusalém e retirar-se dela por causa do cerco que estava prestes a sofrer. E eles se estabeleceram em Pereia por este motivo e, como eu disse, viveram suas vidas lá. Foi a partir disso que a seita Nazarena teve sua origem.

8,1 Mas eles também estão errados por se vangloriar de circuncisão, e pessoas como eles ainda estão "debaixo de maldição", já que eles não podem cumprir a Lei. Pois como eles serão capazes de cumprir a disposição da Lei: "Três vezes por ano tu comparecerás perante o Senhor teu Deus, nas festas dos pães ázimos, Tabernáculos e Pentecostes" no local de Jerusalém? (2) Pois uma vez que o local é fechado, e as disposições da Lei não podem ser cumprida, deve ser claro para qualquer pessoa com bom senso de que Cristo veio para ser o cumpridor da Lei, não para destruir a Lei, mas para cumprir a Lei e para retirar a maldição que tinha sido proferida contra a transgressão da Lei. (3) Pois depois que Moisés tinha dado a todos os mandamentos ele veio para o final do livro e "incluiu a todos em uma maldição", dizendo: "Maldito aquele que não permanecer em todas as palavras que estão escritas neste livro para fazê-las."

8,4 Assim, Cristo veio para libertar o que havia sido acorrentado com os laços da maldição, concedendo-nos, no lugar dos mandamentos menores que não podem ser cumpridos, aqueles que são maiores e que não sejam incompatíveis com a conclusão da tarefa como os anteriores eram. (5) Por muitas vezes em todas as seitas, quando cheguei ao ponto, eu já expliquei em conexão com o shabbat, a circuncisão e o resto, como o Senhor concedeu-nos algo mais perfeito.

8,6 Mas como pode pessoas como estas ser defendidas, uma vez que não obedecem o Espírito Santo que disse através dos apóstolos para os gentios convertidos, "Suponha que não haja vantagem salvar as coisas necessárias, que vos abstenhais das sangue, e de coisas estranguladas, e da fornicação e de carnes sacrificadas aos ídolos? "(7) e como eles podem deixar de perder a graça de Deus, quando o santo apóstolo Paulo diz:: "Se vos deixardes circuncidar, Cristo de nada vos aproveitará. . . quem de vocês fazem a glória na Lei caíram da graça".

9,1 Neste Seita também, minha breve discussão será suficiente. As pessoas de sua espécie são refutáveis de uma só vez e fácil de detectar e, em vez (de heréticos cristãos), são judeus e nada mais. (2) No entanto, para os judeus eles são inimigos por demais. Não só o povo judeu tem ódio contra eles, pois eles sequer levantam-se de madrugada, ao meio-dia, e à noite, três vezes por dia, quando eles recitam suas orações nas sinagogas, e amaldiçoam e os anatematizam, dizendo três vezes por dia "Deus amaldiçoe os Nazarenos ". (3) Pois eles abrigam um rancor contra eles, imagine, porque, apesar de sua origem judaica, pregam que Jesus é o Cristo, algo que é o oposto daqueles que ainda são judeus e não aceitaram Jesus.

9,4 Eles têm o Evangelho segundo Mateus em sua totalidade em hebraico. Pois é claro que eles ainda preservam este como foi originalmente escrito no alfabeto hebraico. Mas eu não sei se eles também retiraram as genealogias de Abraão até Cristo.

9,5 Mas agora que nós também detectamos esta seita como um inseto pungente que é pequeno, e ainda provoca dor com o seu veneno e ter esmagado com as palavras da verdade, vamos para a próxima, amados, orando pela ajuda de Deus.

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Deus como Pai no Tanach (Antigo Testamento)

Seria um escandalo Yeshua (Jesus) afirmar que é o filho de Deus?

8 Contudo, Senhor, tu és o nosso Pai. Nós somos o barro; tu és o oleiro. Todos nós somos obra das tuas mãos.
Isaías 64:8

6 O filho honra o pai, e o servo o seu senhor; se eu sou pai, onde está a minha honra? E, se eu sou senhor, onde está o meu temor? diz o SENHOR dos Exércitos a vós, ó sacerdotes, que desprezais o meu nome. E vós dizeis: Em que nós temos desprezado o teu nome?
Malaquias 1:6

19 Mas eu dizia: Como te porei entre os filhos, e te darei a terra desejável, a excelente herança dos exércitos das nações? Mas eu disse: Tu me chamarás meu pai, e de mim não te desviarás.
Jeremias 3:19

6 Recompensais assim ao Senhor, povo louco e ignorante? Não é ele teu pai que te adquiriu, te fez e te estabeleceu?
Deuteronômio 32:6

1 Filhos sois do SENHOR vosso Deus; não vos dareis golpes, nem fareis calva entre vossos olhos por causa de algum morto.
Deuteronômio 14:1

10 Não temos nós todos um mesmo Pai? Não nos criou um mesmo Deus? Por que agimos aleivosamente cada um contra seu irmão, profanando a aliança de nossos pais?
Malaquias 2:10

27 E veio um homem de Deus a Eli, e disse-lhe: Assim diz o Senhor: Não me manifestei, na verdade, à casa de teu pai, estando eles ainda no Egito, na casa de Faraó?
28 E eu o escolhi dentre todas as tribos de Israel por sacerdote, para oferecer sobre o meu altar, para acender o incenso, e para trazer o éfode perante mim; e dei à casa de teu pai todas as ofertas queimadas dos filhos de Israel.
1 Samuel 2:27,28

26 Ele me chamará, dizendo: Tu és meu pai, meu Deus, e a rocha da minha salvação.
27 Também o farei meu primogênito mais elevado do que os reis da terra.
Salmos 89:26,27

5 Pai de órfãos e juiz de viúvas é Deus, no seu lugar santo.
Salmos 68:5

10 Todavia o número dos filhos de Israel será como a areia do mar, que não pode medir-se nem contar-se; e acontecerá que no lugar onde se lhes dizia: Vós não sois meu povo, se lhes dirá: Vós sois filhos do Deus vivo.
Oséias 1:10

Por último, gostaria de acrescentar duas citações de um Midrash judaico (registro das tradições orais).

"Vocês são meus filhos", diz Deus, "quando aceitam meus encantos".
Rabba 7

Deus diz a Israel: 'Vocês são chamados meus filhos, mas você deve tomar minha lei como seu guia de vida'. É como se um príncipe pedisse a seu pai que desse a conhecer em todo o seu reino que ele é o filho do rei. O pai diz a ele: 'Vista-se de púrpura e coloque a sua tiara; então todos saberão que você é meu filho.
Rabba 7

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Quem é o homem celestial?



O homem celestial é em primeiro lugar Cristo glorificado. Cristo no corpo incorruptível. E assim como tivemos a imagem do homem terreno, ao nascermos de novo, recebemos a imagem do homem celestial.

Calma! Vou explicar....

Cristo é descrito como sendo sangue, água e Espirito:
6 Este é aquele que veio por meio de água e sangue, Jesus Cristo: não somente por água, mas por água e sangue. E o Espírito é quem dá testemunho, porque o Espírito é a verdade.
7 Há três que dão testemunho:
8 o Espírito, a água e o sangue; e os três são unânimes.
1 João 5:6-8 [1]

O sangue simboliza a carne.
A água simboliza Vida, Alma e em alguns casos também pode significar Santidade.
O Espirito é o próprio Deus que fez morada em seu filho Jesus Cristo e que da mesma forma faz morada nos que são nascidos do Espirito.

Por este motivo Jesus disse que precisamos nascer da água e do Espirito, sangue nós já somos.

5 Respondeu Jesus: "Digo-lhe a verdade: Ninguém pode entrar no Reino de Deus, se não nascer da água e do Espírito. João 3:5

Quando nascemos da água, recebemos de Deus um novo homem, o homem que deveríamos ser se não tivessemos caído. Um homem incorruptível, pronto para prosseguir no caminho da santificação.
Neste momento nascemos também do Espirito. Pois recebemos o próprio Espirito do Pai e de Cristo, que passam a habitar em nós e nos ajudar no processo de santificação.
E tudo que fazemos na terra, também é ligado no céu. Por este motivo somos homem terreno, porém nossas ações espirituais constroem o nosso homem celestial, o templo em nós.

42 Assim será com a ressurreição dos mortos. O corpo que é semeado é perecível e ressuscita imperecível;
43 é semeado em desonra e ressuscita em glória; é semeado em fraqueza e ressuscita em poder;
44 é semeado um corpo natural e ressuscita um corpo espiritual. Se há corpo natural, há também corpo espiritual.
45 Assim está escrito: "O primeiro homem, Adão, tornou-se um ser vivente"; o último Adão, espírito vivificante.
46 Não foi o espiritual que veio antes, mas o natural; depois dele, o espiritual.
47 O primeiro homem era do pó da terra; o segundo homem, do céu.
48 Os que são da terra são semelhantes ao homem terreno; os que são do céu, ao homem celestial.
49 Assim como tivemos a imagem do homem terreno, teremos também a imagem do homem celestial.
50 Irmãos, eu lhes declaro que carne e sangue não podem herdar o Reino de Deus, nem o que é perecível pode herdar o imperecível.
1 Coríntios 15:42-50

Precisamos morrer espiritualmente para renascer

Da mesma forma que o corpo corruptível ressuscita imperecível. Para nascermos da água e do Espirito precisamos morrer.
11 Palavra fiel é esta: que, se morrermos com ele, também com ele viveremos;
12 Se sofrermos, também com ele reinaremos; se o negarmos, também ele nos negará;
2 Timóteo 2:11,12

Cristo desce do céu para habitar em nós em Espirito. Por isso ele sobre e traz a nossa nova morada, o nosso homem celestial.
12 Se vos falei de coisas terrestres, e não crestes, como crereis, se vos falar das celestiais?
13 Ora, ninguém subiu ao céu, senão o que desceu do céu, o Filho do homem, que está no céu.
João 3:12,13

2 Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes lugar.
3 E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam onde eu estiver.
João 14:2,3

Cristo já voltou em Espirito

E quando Cristo volta? Ele diz que em breve, antes mesmo daquela geração morrer. Dentro de pouco tempo:
18 Não os deixarei órfãos; voltarei para vocês.
19 Dentro de **pouco tempo** o mundo já não me verá mais; vocês, porém, me verão. Porque eu vivo, vocês também viverão.
20 Naquele dia compreenderão que estou em meu Pai, vocês em mim, e eu em vocês.
João 14:18-20
28 "Vocês me ouviram dizer: Vou, mas volto para vocês. Se vocês me amassem, ficariam contentes porque vou para o Pai, pois o Pai é maior do que eu.
29 Isso eu lhes disse agora, antes que aconteça, para que, quando acontecer, vocês creiam.
João 14:28,29

34 Eu lhes asseguro que **não passará esta geração até que TODAS essas coisas aconteçam**.
35 O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras jamais passarão".
36 "Quanto ao dia e à hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão somente o Pai.
Mateus 24:34-36

1 Revelação de Jesus Cristo, que Deus lhe deu para mostrar aos seus servos o que em **breve há de acontecer**. Ele enviou o seu anjo para torná-la conhecida ao seu servo João,
Apocalipse 1:1

Como é que ele volta e a gente verá, mas o mundo não? E ele diz que será em breve, que não passará aquela geração? Será que Jesus já voltou? Reparem que o relato de Mateus 24 se assemelha muito ao de Atos 2. Em Atos 2 se cumpre a promessa que Jesus fez em João 14:
23 Respondeu Jesus: "Se alguém me ama, guardará a minha palavra. Meu Pai o amará, nós viremos a ele e faremos nele morada.
João 14:23

E vemos que ele derrama de seu Espírito naqueles que o obedecem, conforme Jesus disse que faria em João 14:

29 Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.
30 O Deus de nossos pais ressuscitou a Jesus, ao qual vós matastes, suspendendo-o no madeiro.
31 Deus com a sua destra o elevou a Príncipe e Salvador, para dar a Israel o arrependimento e a remissão dos pecados.
32 E nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o Espírito Santo, que Deus deu àqueles que lhe obedecem.
Atos 5:29-32

Cristo volta para habitar em nós com o Pai em Espirito. Este é o Espirito Santo. Por isso devemos obedecer os mandamentos para vivermos no Espirito. O Espirito é Santo.
Haverá também uma volta física de Cristo no fim de tudo? É possível, creio que sim, pois existem textos bem específicos falando de uma volta física. Mas espiritualmente Jesus já voltou e habita nos que são nascidos do Espirito. Nos que se tornaram, como ele: sangue, água e Espirito. Nos que receberam o homem celestial, o próprio espirito que deveríamos ter se não tivessemos caído.
16 O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de Deus.
Romanos 8:16

Portanto, nascidos do Espirito e circuncidados de coração, nos esforcemos para andar pelo Espirito. Praticando as boas obras que nos foram preparadas antes mesmo da fundação do mundo.
25 Se vivemos pelo Espírito, andemos também pelo Espírito.
Gálatas 5:25


Shalom


[1] Se a sua versão estiver diferente no versículo 7, é porque este texto tem um acréscimo que corrobora com a doutrina da trindade. Porém a maior parte dos manuscritos não possui o versículo 7 na forma trinitária

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Qual é a morada que Jesus fala em João 14?



Primeiro Jesus diz que a casa do Pai tem muitas moradas.
2 Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar.
João 14:2

Depois ele diz que estariamos nele e ele em nós.
20 Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós.
João 14:20

Depois Jesus diz que ele e o Pai fariam morada naqueles que obedecem os mandamentos.
23 Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.
João 14:23

Outros textos dão base para isto:
6 mas Cristo é fiel como Filho sobre a casa de Deus; e esta casa somos nós, se é que nos apegamos firmemente à confiança e à esperança da qual nos gloriamos.
Hebreus 3:6

9 Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele.
Romanos 8:9

16 Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?
1 Coríntios 3:16

9 Pois em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade,
10 e, por estarem nele, que é o Cabeça de todo poder e autoridade, vocês receberam a plenitude.
Colossenses 2:9,10

17 que Cristo habite pela fé nos vossos corações, a fim de que, estando arraigados e fundados em amor,
Efésios 3:17

48 mas o Altíssimo não habita em templos feitos por mãos de homens, como diz o profeta:
Atos 7:48

11 E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos mortos ressuscitou a Cristo Jesus há de vivificar também os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em vós habita.
Romanos 8:11

22 no qual também vós juntamente sois edificados para morada de Deus no Espírito.
Efésios 2:22

5 Ou pensais que em vão diz a escritura: O Espírito que ele fez habitar em nós anseia por nós até o ciúme?
Tiago 4:5

Ou não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuís da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos?
1 Coríntios 6:19

Portanto fica claro que Jesus se refere a nós. O lugar que ele prepara é o nosso homem celestial, também citado por Paulo. É a nossa versão "novo homem" santificada. É o templo que é edificado em nós.
49 Assim como tivemos a imagem do homem terreno, teremos também a imagem do homem celestial.
I Corintiios 15:49

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Uma ponte do Trinitarismo ao Unitarismo

Este texto é a divulgação de um livro de anotações que fiz ao longo dos últimos 3 anos, estudando a doutrina da trindade. É importante deixar registrado que um dia eu estava orando na minha casa, quando Deus disse que eu deveria conversar com um amigo, que ele tinha algo para me revelar. Pois então eu obedeci e a mensagem que este amigo me passou é que Deus é Um e que a trindade seria uma heresia. Um acréscimo. Um til ou um i a mais nas escrituras.

Eu fiquei inconformado com isso e resolvi investigar. Não podia acreditar. Isso era contrário a tudo que sempre acreditei e era parte da doutrina de um grupo religioso que na época eu abominava. Eu fiquei por muito tempo confuso se era Deus mesmo que havia falado comigo. E quanto mais eu procuro, mais encontro evidências que confirmam o que me foi revelado. Comecei investigando como trinitário ainda....porém diante de tantas evidências, hoje considero impossível crer na fórmula trinitarista.

Atenção! Este post está sendo construído e algumas partes estão desorganizadas ainda. Eu reuni ao longo dos anos mais de 100 textos que corroboram que Deus é Uno.


Quem é Deus?


Deus não é homem, nem filho do homem:
Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa; porventura diria ele, e não o faria? Ou falaria, e não o confirmaria? Números 23:19

Deus é Espirito:

24 Deus é espírito, e é necessário que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade".João 4:24
Deus é Invisível:
12 - Então o SENHOR vos falou do meio do fogo; a voz das palavras ouvistes; porém, além da voz, não vistes figura alguma.
Deuteronômio 4:12 


Quem é Yeshua?


A imagem de Deus:
4 Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.2 Coríntios 4:4
O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação; Colossenses 1:15
Mas a imagem de Deus é o plano original para todo ser humano, como vemos em genesis:
26 Então disse Deus: "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança. Domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais grandes de toda a terra e sobre todos os pequenos animais que se movem rente ao chão".27 Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.Gênesis 1:26,27

Yeshua é o Filho Unigenito, o Cordeiro Imaculado, o Messias, o Verbo, a Luz, Senhor, etc. Apesar de ser toda a razão de nossa existência a bíblia faz diferença entre ele e o Pai, e deixa claro que o Pai é Deus sozinho. O Pai criou os céus e a terra sozinho:
24 "Assim diz o Senhor, o seu redentor, que o formou no ventre: Eu sou o Senhor, que fiz todas as coisas, que sozinho estendi os céus, que espalhei a terra por mim mesmo,Isaías 44:24
O que elimina uma trindade na criação. Frequentemente um argumento apresentado pelos trinitaristas é da palavra Elohim em Genesis 1:26. Porém NAASEH (o tal façamos) está no singular masculino e todo o restante do versículo. Porém mesmo que configure uma unidade composta, Elohim foi um título atribuido a Moisés em Exodo 7:1, também foi atribuido a juízes, profetas e anjos. Conforme Jesus mesmo reforça em João 10:34/Salmos 82:6.


Textos que evidenciam que o Pai sozinho é o único Deus


Creiam em Deus e em Yeshua:
1 Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.João 14:1

Deus é Deus de Yeshua:
17 Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação;Efésios 1:17
Yeshua diz que o Pai é o único Deus verdadeiro:
3 E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.João 17:3

Deus é Um:
20 Contudo, o mediador representa mais de um; Deus, porém, é um.Gálatas 3:20

Há um só Deus e Pai de todos:
4 Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;5 Um só Senhor, uma só fé, um só batismo;6 Um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos vós.Efésios 4:4-6

O Pai é maior que Yeshua:
28 "Vocês me ouviram dizer: Vou, mas volto para vocês. Se vocês me amassem, ficariam contentes porque vou para o Pai, pois o Pai é maior do que eu.João 14:28

Yeshua chama Deus de meu Deus:
17 Jesus disse: "Não me segure, pois ainda não voltei para o Pai. Vá, porém, a meus irmãos e diga-lhes: Estou voltando para meu Pai e Pai de vocês, para meu Deus e Deus de vocês".João 20:17
Yeshua não veio dele mesmo, mas de Deus:
42 Disse-lhes, pois, Jesus: Se Deus fosse o vosso Pai, certamente me amaríeis, pois que eu saí, e vim de Deus; não vim de mim mesmo, mas ele me enviou.
João 8:42



Em apocalipse quando ele já estava glorificado chama novamente de meu Deus:
12 A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome.Apocalipse 3:12

Yeshua se sujeitará ao Pai mesmo após glorificado:
22 Pois da mesma forma como em Adão todos morrem, em Cristo todos serão vivificados.23 Mas cada um por sua vez: Cristo, o primeiro; depois, quando ele vier, os que lhe pertencem.24 Então virá o fim, quando ele entregar o Reino a Deus, o Pai, depois de ter destruído todo domínio, autoridade e poder.25 Pois é necessário que ele reine até que todos os seus inimigos sejam postos debaixo de seus pés.26 O último inimigo a ser destruído é a morte.27 Porque ele "tudo sujeitou debaixo de seus pés". Ora, quando se diz que "tudo" lhe foi sujeito, fica claro que isso não inclui o próprio Deus, que tudo submeteu a Cristo.28 Quando, porém, tudo lhe estiver sujeito, então o próprio Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, a fim de que Deus seja tudo em todos.1 Coríntios 15:22-28


Salmos 8 confirma que Deus colocou tudo debaixo dos pés do filho do homem:
4 Que é o homem mortal para que te lembres dele? e o filho do homem, para que o visites?5 Pois pouco menor o fizeste do que os anjos, e de glória e de honra o coroaste.6 Fazes com que ele tenha domínio sobre as obras das tuas mãos; tudo puseste debaixo de seus pés: Salmos 8:4-6


Glória dada a Deus por meio de Yeshua:
27 ao único Deus sábio seja dada glória para todo o sempre, por meio de Jesus Cristo. Amém.Romanos 16:27


Apenas Deus é bom:
18 Respondeu-lhe Jesus: "Por que você me chama bom? Ninguém é bom, a não ser um, que é Deus.Marcos 10:18

Deus e o homem Jesus Cristo:
5 Pois há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens: o homem Cristo Jesus,I Timóteo 2:5


Há um único Deus, o Pai:
5 Pois mesmo que haja os chamados deuses, quer no céu, quer na terra, ( como de fato há muitos "deuses" e muitos "senhores" ),6 para nós, porém, há um único Deus, o Pai, de quem vêm todas as coisas e para quem vivemos; e um só Senhor, Jesus Cristo, por meio de quem vieram todas as coisas e por meio de quem vivemos.7 Contudo, nem todos têm esse conhecimento. Alguns, ainda habituados com os ídolos, comem esse alimento como se fosse um sacrifício idólatra; e como a consciência deles é fraca, esta fica contaminada.8 A comida, porém, não nos torna aceitáveis diante de Deus; não seremos piores se não comermos, nem melhores se comermos.9 Contudo, tenham cuidado para que o exercício da liberdade de vocês não se torne uma pedra de tropeço para os fracos.1 Corintios 8:5-10

Quando lemos os pais apostólicos entendemos que na euforia que o evangelho causava no mundo todo, muitas misturas de crenças e idolatrias se misturavam a sã doutrina apostólica e começavam a pregar os maiores absurdos. Por isso Paulo diz que as pessoas ainda comem deste alimento como se fosse um sacrifício idólatra, pois misturavam as crenças idólatras com o evangelho. Mas o texto é mais do que claro. Há um só Deus, o Pai.



Textos Trinitários

A Palavra era Deus?
1 No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus.2 Ela estava com Deus no princípio.João 1:1,2


No grego do Codex Sinaiticus:
1 Ἐν ἀρχῇ ἦν ὁ λόγος, καὶ ὁ λόγος ἦν πρὸς τὸν θεόν, καὶ θεὸς ἦν ὁ λόγος. 2 οὗτος ἦν ἐν ἀρχῇ πρὸς τὸν θεόν.
Vemos que Deus era o Verbo, Teos era o Logos, e não o contrário. O que faz bastante diferença, pois Deus é tudo em todos. Aqui a justificativa dos trinitários é que o fato de Logos estar no nominativo ele permite a inversão. Acontece que Teos também está no nominativo, e o fato de permitir a inversão não significa que é obrigatória esta inversão. E se não é obrigatória, o critério para o tradutor deveria ser a coerência com os demais textos. Como vemos nos textos acima, Deus é o Pai em todos os outros textos da bíblia. Logo, fica nítido que a tradução correta seria "Deus era o Verbo".

[Vou colocar os textos de I João 5:7 e 20, 2 Pedro 1:1, Filipenses 2:6, Colossenses 2:9 com estudo detalhado inclusive do grego]

Yeshua se estende a nós

Em Cristo habita toda a plenitude da divindade:
9 Pois em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade,Colossenses 2:9
Para que habite também em nós:
10 e, por estarem nele, que é o Cabeça de todo poder e autoridade, vocês receberam a plenitude.Colossenses 2:10
Jesus perdoava pecados:
20 Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse: "Homem, os seus pecados estão perdoados". 21 Os fariseus e os mestres da lei começaram a pensar: "Quem é esse que blasfema? Quem pode perdoar pecados, a não ser somente Deus? " 22 Jesus, sabendo o que eles estavam pensando, perguntou: "Por que vocês estão pensando assim? 23 Que é mais fácil dizer: ‘Os seus pecados estão perdoados’, ou: ‘Levante-se e ande’? 24 Mas, para que vocês saibam que o Filho do homem tem na terra autoridade para perdoar pecados" — disse ao paralítico — "eu lhe digo: levante-se, pegue a sua maca e vá para casa". 25 Imediatamente ele se levantou na frente deles, pegou a maca em que estivera deitado e foi para casa louvando a Deus. Lucas 5:20-25
O próprio texto diz que o filho do homem tem autoridade na terra para perdoar pecados, nós também somos filhos do homem. Mas para não deixar dúvidas, o texbo abaixo Yeshua da isto como ordem e dom aos apóstolos:
22 E com isso, soprou sobre eles e disse: "Recebam o Espírito Santo. 23 Se perdoarem os pecados de alguém, estarão perdoados; se não os perdoarem, não estarão perdoados". João 20:22,23
Paulo alega que podemos chegar ao nível de conhecimento e maturidade de Cristo:
13 até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo.Efésios 4:13


Quem é o Espirito Santo?


O Espirito Santo claramente é o próprio Deus. A bíblia deixa claro isso de várias formas e vamos aborda-las aqui.

11 E, se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos habita em vocês, aquele que ressuscitou a Cristo dentre os mortos também dará vida a seus corpos mortais, por meio do seu Espírito, que habita em vocês.Romanos 8:11

17 ‘Nos últimos dias, diz Deus, derramarei do meu Espírito sobre todos os povos. Os seus filhos e as suas filhas profetizarão, os jovens terão visões, os velhos terão sonhos.18 Sobre os meus servos e as minhas servas derramarei do meu Espírito naqueles dias, e eles profetizarão.Atos 2:17-18
O Espirito Santo também é Pai:
15 Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes em temor, mas recebestes o Espírito de adoção de filhos, pelo qual clamamos: Aba, Pai. 16 O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de Deus.Romanos 8:15




O Espirito Santo é o Pai

Deus é Pai da Consolação:
3 Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; 4 Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus. 2 Coríntios 1:3-4
Mas Deus, que consola os abatidos, nos consolou com a vinda de Tito. 2 Coríntios 7:6
E o próprio nosso Senhor Jesus Cristo e nosso Deus e Pai, que nos amou, e em graça nos deu uma eterna consolação e boa esperança, 2 Tessalonicenses 2:16
Porque, como as aflições de Cristo são abundantes em nós, assim também é abundante a nossa consolação por meio de Cristo. 2 Coríntios 1:5


Nos consola para que também possamos ser um outro consolador:


Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.
2 Coríntios 1:4


Textos que ainda detalharei:

2 Pedro 1:1 - Sinaiticus nao tem a palavra Theos

Tito 2:13 no grego está a aparencia gloriosa de Deus, na Peshitta também


quinta-feira, 5 de outubro de 2017

O Novo Testamento não foi escrito totalmente em grego - Provas testemunhais


Provas testemunhais

Entendemos como provas testemunhais os relatos históricos, tardios ou não.

O que muita gente diz sobre este aspecto, é que a maioria dos historiadores que relatam isso alguns séculos depois de tudo. Porém historicamente isso é comum de acontecer, e temos um aspecto aqui que são muitas citações de pessoas diferentes, de origens diferentes e crenças diferentes. O que faz com que seja muito improvável uma manipulação conjunta de todos nesta informação.

Vários historiadores se preocuparam em documentar o que aconteceu nesta época. Muitos registraram sobre os costumes da época, sobre os idiomas falados pelos judeus e sobre o idioma em que os escritos foram produzidos. Veja abaixo algumas citações:

Eusébio de Cesaréia (265 d.C. - 339 d.C.)


Evangelho de Mateus foi escrito em hebraico:
"Com efeito Mateus, que primeiramente tinha pregado aos hebreus, quando estava a ponto de ir para outros, entregou por escrito seu Evangelho, em sua língua materna, fornecendo assim por meio da escritura o que faltava de sua presença entre aqueles de quem se afastava."
(Eusébio de Cersareia, História Eclesiastica, Livro III, Cap XXIV, Verso 6)

"Isto é o que conta Papias sobre Marcos. Referente a Mateus, diz o seguinte: "Mateus ordenou assentenças em língua hebraica, mas cada um as traduzia como melhor podia."
(Eusébio de Cersareia, História Eclesiastica, Livro III, Cap XXXIX, Verso 16)

Carta aos Hebreus escrita em hebraico:
"1. Nas Hypotyposeis, para resumir, Clemente dá algumas explicações precisas da Escritura testamentária inteira, sem omitir os escritos discutidos, quero dizer, a Carta de Judas e as demais
Cartas católicas, assim como a Carta de Barnabé  e o chamado Apocalipse de Pedro.

2. Diz também que a Carta aos Hebreus é certamente de Paulo, mas que foi escrita em língua hebraica para os hebreus, sendo que Lucas a traduziu cuidadosamente e a editou para os gregos; daí que se encontre o mesmo colorido no estilo desta carta e nos Atos.

3. E acrescenta que é natural que a expressão "Paulo apóstolo" não esteja escrita no cabeçalho,"porque - diz - como escrevia aos hebreus, que tinham prevenção contra ele e dele suspeitavam,com absoluta prudência não quis espantá-los já no início pondo seu nome".
(Eusébio de Cersareia, História Eclesiastica, Livro VI, Cap XI, Versos 1-3)
Evangelho de Mateus, que era conhecido como Evangelho dos Hebreus:
"Escreveu também muitas outras coisas, das quais fizemos menção anteriormente, em parte, ao dispor as narrativas conforme as circunstâncias. Põe algumas coisas tomadas do Evangelho dos hebreus e do Siríaco, e em particular tomadas da língua hebraica, mostrando assim que se fez crente sendo hebreu. E não apenas isto mas também menciona outras coisas procedentes de uma tradição judia não escrita."
(Eusébio de Cersareia, História Eclesiastica, Livro VI, Cap XXII, Verso 8)
Evangelho de Mateus, escrito em hebraico:
"Acerca dos quatro Evangelhos, que também são os únicos que não foram discutidos na Igreja de Deus que está sob o céu, por tradição aprendi que o primeiro a ser escrito foi o Evangelho de Mateus, que foi por algum tempo arrecadador e depois apóstolo de Jesus Cristo, que o compôs em língua hebraica e o publicou para os fiéis procedentes do judaísmo."
(Eusébio de Cersareia, História Eclesiastica, Livro VI, Cap XXV, Verso 4)



Epifânio de Salamina (310 a 320 d.C. - 403 d.C.)


Evangelho de Mateus:
“Eles têm o evangelho segundo Mateus totalmente em hebraico. Pois é claro que eles ainda preservam esta obra no alfabeto hebraico, como ele foi originalmente escrito
(Epifânio de Salamina; Panarion 29).
Lucas era Siriaco, sua lingua nativa era portanto o aramaico:
6.  Lucas, por outro lado, oriundo de Antioquia por sua linhagem e médico de profissão, foi durante a maior parte do tempo companheiro de Paulo. Mas seu trato com os outros apóstolos também não foi superficial: deles adquiriu a terapêutica das almas, da qual nos deixou exemplos em dois livros divinamente inspirados: o Evangelho, que ele confessa ter composto segundo oque lhe transmitiram os que foram testemunhas oculares e se fizeram servidores da doutrina,dos quais ele diz que seguiu já desde o começo, e os Atos dos Apóstolos que compôs, já não com o que tinha ouvido, mas com o que viu com os próprios olhos.
Este ponto reforça minha tese de que o evangelho de Lucas teria sido escrito em aramaico, traduzindo algumas palavras hebraicas pro aramaico. Em vários momentos Lucas diz "que em aramaico quer dizer".

Livro: http://www.jacksonsnyder.com/yah/manuscript-library/the%20panarion%20of%20epiphanius%20of%20salamis.pdf

* Não encontrei o Panarion em Portugues, mas vi várias menções além desta acima procurando pela palavra "Hebrew" no pdf. Obvio que nem todas as vezes que aparece a palavra ele está dizendo sobre livros que foram escritos em hebraico, mas ao menos 3 citações ele atesta isso.



Flávio Josefo (37 d.C. - 100 d.C.)

Muitos que defendem o grego como lingua original alegam que o hebraico não era falado em Jerusalém e que muitos judeus nem sequer sabiam falar o hebraico.

O historiador judeu Flávio Josephus, no primeiro século testifica o fato que os Judeus do primeiro século falavam o hebraico. Ele testifica que o hebraico, e não grego, era a língua daquele lugar, naquele tempo. Josephus fala a respeito da destruição do templo no ano 70 D.C, e de acordo com ele os Romanos tinham tradutores judeus que rogavam a eles a se renderem na sua própria língua.(Guerras 5:9:2).

“Precisamos ser grandes artistas para entender a respeito dos gregos, e compreender os elementos da sua linguagem, pois uma vez habituados a falar a nossa própria língua, eu não pronunciaria grego com exatidão, pois nossa nação não nos encoraja a aprender as muitas línguas das nações”.
(Ant. 20: 11:2)


Esta página ainda está em construção, eu ainda acrescentarei mais conteúdo.





segunda-feira, 14 de setembro de 2015

O Sábado



Yeshua (Jesus) foi traído, não somente por Judas. Ele é traído a todo instante. Por mim, por você, por todos...e Ele não te cobra que perceba a profundidade disso. Ele deixa você perceber no seu tempo.

Conforme você conseguir entrar no descanso dEle.

Conforme você se sentir perdoado.

Conforme você parar de olhar para o pecado.

Conforme você tiver maior interesse pela luz do que pelas trevas.

Experimente: arrependimento, e o Messias conduzirá seu coração até o Amor. Quando seguir pelo caminho do arrependimento, experimentará:
  • Mudança de sentido na vida;
  • Quebrantamento;
  • Constrangimento por perceber que estava insistindo no errado;
  • A sensação de compreender o que não compreendia;
  • Se sentir liberto;
  • Sentir tudo ser explicado;
  • Se sintir amado;
  • Acompanhado;
  • Com fé na restauração;
Yeshua se manifesta, como pensamentos, uma voz falando com sua mente. Você será ministrado. Será curado. Será restaurado. Então entrará no Descanso de Deus. Conhecerá o Sábado.Você está no Santo dos Santos. Permaneça neste Espirito o máximo de tempo que puder. Até mesmo enquanto faz outras coisas no seu dia a dia. Ajude as outras pessoas a permanecer neste mesmo Espirito. Creia que elas também experimentam isso do jeito delas.

Quando desistir do seu ego, a mudança virá. Fazemos isso por não compreendermos que somos parte de Um Todo. Este desistir é o arrependimento. As coisas vão fluir. Descanse no Messias, em Yeshua, no Sábado, no Descanso.

Arrependimento é quando você reconhece que está cansado e sobrecarregado e decide ir até a Luz. É quando deixa seu ego de lado.

Textos para meditação:

Pois desejo misericórdia, não sacrifícios, e conhecimento de Deus em vez de holocaustos.
Oséias 6:6

Aquele que habita no abrigo do Altíssimo e descansa à sombra do Todo-poderoso
pode dizer ao Senhor: Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio.
Salmos 91:1,2